sábado, 2 de dezembro de 2017

DEVASTAÇÃO NA MATA DO BARANDÃO , ZONA RURAL DE CUITÉ

A devastação da mata da caatinga tem sido constante, em Cuité um dos municípios mais secos da Paraíba. Para agravar a situação, os recursos hídricos são escassos. Segundo o Secretário adjunto de infraestrutura, meio ambiente e recursos hídricos do estado da Paraíba, Deusdete Queiroga o solo de Cuité não contribui para perfuração de poços com água de qualidade. 

Enquanto isso o desmatamento na zona rural, transforma o cenário em um cemitério de árvores.   A luta pela preservação do Barandão parte de um filho de Cuité onde esteve reunido com equipe técnica do Instituto do Semiárido buscando conhecimentos técnicos agroecológicos para aplicabilidade na  Serra de Cuité. 


“ A expectativa é muito grande para quem quer um grande trabalho seja desenvolvido por lá . vamos fazer uma assembleia junto à comunidade com representantes de várias esferas “ disse Higor Lins .


Um estudo recente da Universidade Técnica de Munique, na Alemanha, revele que as árvores crescem curiosamente mais rápido em áreas urbanas e metropolitanas do que em áreas rurais.   Assim a preservação ambiental na zona rural é fundamental e o professor Higor Lins fez uma intimação: Faça parte dessa luta!

A Câmara Municipal de Cuité até hoje não criou leis em defesa e manejo das diversas espécies nativa da flora e fauna . É preciso maior comprometimento com meio ambiente , para o futuro de novas gerações.   



via:http://www.demamacedo.com.br/2017/11/devastacao-na-mata-do-barandao-zona.html