quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Ministério Público abre inquérito civil para investigar processo seletivo de prefeitura de Japi


Blog do Joabson Silva - O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), através da 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Santa Cruz/RN, instaurou, na última segunda-feira (25), inquérito civil para apurar possíveis irregularidades no Processo Seletivo Simplificado que transcorre no município de Japi. A ação foi provocada pelo vereador e advogado Pedro Paulo (PR) e 5 candidatas que participaram do certame.

O certame está na fase final de divulgação da ordem classificatória e visa o contrato temporário de pessoal em nível superior, médio, fundamental para atuar no município, para um total de 120 vagas distribuídas entre cargos como auxiliar de professor, motorista, gari, ASG e tantos outros.

De acordo com a Comarca, a investigação visa averiguar critérios utilizado para atribuir pontuação aos candidatos no quesito de avaliação curricular, psicológica e as pontuações atribuídas aos concorrentes à experiência e qualificação apresentadas. O MPRN também solicitou relação nominal de todas as pessoas físicas contratadas temporariamente pela atual gestão municipal, ao longo do exercício 2017.

A comissão do processo seletivo, organizada pela prefeitura do município, foi notificada para prestar esclarecimentos.

Clique aqui e confira o documento assinado pelo promotor Ricardo José da Costa Lima.