sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Estudo indica que cérebro de pessoas apaixonadas é menor

Se você é desses que se apaixona facilmente, vai ficar um pouco surpreso com essa notícia: a massa cinzenta do cérebro de pessoas que estão amando pode ser menor do que as que não estão. De acordo com a revista Super Interessante, a base é um estudo feito por neurocientistas do Instituto Nacional de Ciências Fisiológicas do Japão, e que teve como base 113 voluntários: metade namorando há mais de um mês, e a outra metade solteira.IMG_1179