sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Polícia acha arma usada na morte de engenheiro em Goianinha

renatoG1/RN – A Polícia Civil achou o revólver usado na morte do engenheiro agrônomo Renato Lima Ribeiro, de 47 anos, cujo corpo foi encontrado na manhã desta quarta-feira (16) na zona rural de Goianinha, cidade distante 70 quilômetros de Natal. “Estava com um vaqueiro que mora na região. Ele subtraiu a arma de dentro do carro onde o corpo do engenheiro foi encontrado. Pela posse ilegal da arma de fogo, agora ele está preso”, afirmou o delegado Wellington Guedes. A arma foi levada para perícia.
Filiado ao partido Democratas (DEM), Renato foi candidato a prefeito de Goianinha nas eleições deste ano. Ele obteve 8.020 votos, perdendo a disputa para Berg Lisboa, do PSD, que conquistou 8.540 votos. Ainda de acordo com Wellington Gomes, “tudo leva a crer que houve mesmo suicídio”. Ainda na quarta, também foram descobertas três cartas de despedida que teriam sido escritas pelo engenheiro. O delegado disse que a família de Renato reconheceu a letra dele nas cartas.