quinta-feira, 21 de julho de 2016

Preso morre enforcado em trave de futebol na Penitenciária de Alcaçuz

Um detento morreu na tarde desta quinta-feira (21) dentro da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior presídio do Rio Grande do Norte. Segundo a Secretaria de Justiça e Cidadania, Bruno Hallys de Andrade Coutinho foi encontrado com uma corda amarrada no pescoço, dependurado numa trave de futebol na quadra do pavilhão 2. Alcaçuz fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal.
Bruno Hallys de Andrade Coutinho
(Foto: Sejuc/Divulgação)

A morte de Bruno é semelhante a que aconteceu em março, quando o interno André Carlos Silva de Limeira, de 28 anos, mais conhecido como 'André Pé Seco', também foi encontrado dependurado numa trave de futebol. O caso aconteceu justamente na quadra do pavilhão 2, hoje dominado por uma facção criminosa que se originou nos presídios da Paraíba.

Bruno havia fugido da própria Penitenciária Estadual de Alcaçuz em abril de 2015. Na ocasião, 35 detentos conseguiram escapar por um túnel. Recapturado no início deste ano, ele cumpria pena por roubo. Zemilton Silva, coordenador de Administração Penitenciária, ressaltou que somente a perícia poderá atestar se o preso cometeu suicídio ou se foi vítima de assassinato. A Sejuc também informou que um procedimento administrativo será instaurado e a Polícia Civil vai investigar o caso.