segunda-feira, 13 de junho de 2016

IBGE mostra que 62% das crianças que trabalham estão no campo

trabalho-infantilVendendo doces, engraxando sapatos, trabalhando na lavoura, na colheita do açaí, nas plantações de cana, cuidando de outras crianças. Em 2014, 554 mil crianças de 5 a 13 anos de idade estavam na situação de trabalho infantil no Brasil. O Norte brasileiro é a região com o maior percentual de crianças trabalhando.
Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD), realizada em 2014, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De acordo com o levantamento, mais de 3 milhões de crianças e adolescentes, de 5 a 17 anos, estavam trabalhando naquele ano. Mais de 62% delas na atividade agrícola.
Segundo a secretária executiva do Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil, Isa Oliveira, a maioria das crianças trabalham em regime de economia familiar.