quarta-feira, 4 de maio de 2016

Por proposição de Rogério Marinho, Câmara debaterá Base Nacional Comum Curricular

rogerio_mst
A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (04), requerimento apresentado pelo deputado federal Rogério Marinho, coordenador da bancada do PSDB no colegiado, e realizará um seminário para debater a nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que tem causado polêmica desde que teve sua primeira versão apresentada pelo governo federal, no fim de 2015.
Rogério é também autor de um projeto de lei que obriga a aprovação do BNCC pelo Congresso Nacional antes de ser implementado no ensino brasileiro. O objetivo do parlamentar é evitar que o projeto chegue as escolas do país envolvido com questões ideológica e doutrinárias, o que poderia provocar uma queda na qualidade da educação.
“BNCC é atraso pedagógico e um Frankenstein na questão doutrinária. É uma aberração”, disse o parlamentar. Entre os pontos questionados pelo tucano, estaria o fato da exclusão da Gramática, por exemplo, do ensino de Português. Também estão de fora as informações sobre relevo em Geografia e partes importantes da história mundial.
Para Rogério, o Congresso “precisa se posicionar e corrigir esse monstrengo, esse Frankesntein que o governo quer aprovar a força”. Segundo o deputado, o BNCC é fundamental para que seja definido o tipo de educação que será praticada pelo Brasil durante os próximos anos.