terça-feira, 12 de abril de 2016

Márcia Maia cobra plano emergencial para Segurança Pública no RN

Márcia Maia
A deputada Márcia Maia (PSDB) repercutiu nesta terça-feira (12), em sessão plenária na Assembleia Legislativa, as recentes fugas de presos da Penitenciária de Alcaçuz e da Cadeia Pública de Mossoró e cobrou um plano emergencial contra as fugas e a onda de violência no estado.
“Já são 153 presos que fugiram das unidades prisionais do RN apenas esse ano. O que tem sido feito para frear essa onda de fugas que não só amedronta a população como incide diretamente nos índices de violência do Estado?”, indaga Márcia Maia.
Márcia questionou ainda o número de assassinatos no estado ao apresentar o número de 485 homicídios até a segunda-feira passada (11). “É uma média próxima de cinco homicídios por dia, número alto e que reflete os índices de violência em nosso estado, por isso, precisamos de ações urgentes por parte do Governo”, defendeu Márcia.
A deputada destacou a necessidade de iniciativas urgentes contra as fugas do sistema prisional, mas também contra a violência que ocorre dentro e fora dos presídios. A parlamentar destacou ainda a necessidade de implantação de bloqueadores de sinal de celular nas unidades prisionais do RN.
“Apelo ao Governo por um planejamento emergencial. As pessoas têm sido vitimas de golpes cometidos por criminosos de dentro das prisões. Eu mesma fui uma vítima. Precisamos dar um basta nisso. A população tem o direito de viver em paz em suas casas”, afirmou.
Ao final do pronunciamento, Márcia Maia anunciou a realização de uma audiência pública na próxima segunda-feira (18) para debater a situação do Sistema Penitenciário do Estado com o Sindicato dos Agentes Penitenciários do RN, Governo do Estado, Ministério Público, Tribunal de Justiça, dentre outras entidades ligadas ao tema.